A Intendência de Rosário, Argentina, anunciou a incorporação de 15 ônibus zero km na atual frota, que conta com 645 unidades e deverá atingir 490 unidades até ao final de 2023, como parte da organização do ‘Sistema Pós-pandêmico de Transporte Urbano de Passageiros’

Novo ônibus em Rosário com a imagem de Messi e Di Maria, filhos da cidade

Em 3 de janeiro de 2023, foram incorporados 15 ônibus zero km à frota de transporte público de Rosário, Argentina.

O governo informa que esta implementação faz parte das ações planejadas visando melhorar a qualidade do serviço aos diferentes bairros da cidade, no âmbito da organização do Sistema de Pospandemia do Transporte Urbano de Passageiros.

O primeiro lote de 15 carros – de um total de 57 novas unidades – será distribuído entre os operadores Rosario Bus, que acrescenta oito unidades, e Movi, que recebe sete unidades.

O governo garantiu que estes carros serão destinados à melhoria das linhas que hoje têm mais procura: os 153 e 103″.

TRANSPORTE DE PASSAGEIROS

A frota de carros em Rosário é de 645 unidades. Está previsto que durante 2023, 20 unidades irão para a empresa Movi e 37 para a Rosario Bus, com o que a frota totalizará 690 unidades.

Assinala a Intendência de Rosário que toda a frota tem características que respeitam um sistema de transporte urbano inclusivo concebido para satisfazer as necessidades dos usuários, tais como adaptação a pisos baixos, rampas para embarque e desembarque de passageiros, e amplo espaço interior para cadeiras de rodas ou carrinhos de bebê, entre outras características especiais.

CARACTERÍSTICAS DAS UNIDADES

As novas unidades destinadas à empresa Movi são marca Volkswagen Modelo 18280 OT LE motos MAN de 6 cilindros, carroçaria TodoBus, Modelo Retiro.

As unidades absorvidas pela empresa Rosario Bus são Mercedes Benz Modelo BMO 368 versão 1721L62 CA, com carroçaria La Favorita.

Os veículos têm piso baixo e ar condicionado, rampa, piso antiderrapante, limitadores de velocidade, iluminação LED, identificação das linhas frontal, traseira e lateral, botões de campainha com escrita Braille e dispostos a uma altura acessível, sinal luminoso associado aos sinos, assentos preferenciais numa cor distinta, placa Braille para identificação da linha no primeiro corrimão, corrimões horizontais e verticais amarelos, suportes isquiáticos.

Os veículos têm também portas largas para a passagem de cadeiras de rodas e carrinhos de bebê, espaço interior para duas cadeiras de rodas ou carrinhos de bebê com cintos de segurança por inércia, uma máquina de cancelamento de bilhetes a uma altura acessível, contentores de lixo e um dispositivo de localização por satélite da unidade (GPS).

Construção do sistema de transporte público depois da pandemia

Após o fim da emergência dos transportes devido à pandemia, declarada em 2020, iniciou-se um novo período para organização do Sistema Pós-pandêmico de Transporte Urbano de Passageiros.

Neste sistema, a Intendência de Rosário garante que o município continua a trabalhar em diferentes estratégias para gerar melhorias na qualidade do serviço, tais como o regresso das linhas 116, 129, 134 e 135 às suas antigas rotas.

O próximo marco está assinalado para 6 de fevereiro de 2023, quando se espera que as linhas 130 e 146 regressem às suas rotas de pré-adaptação, enquanto as linhas 106, 122 Roja e 102 144 irão modificar parte do seu itinerário.

A informação estará disponível tanto no website www.emr.gob.ar como nas redes sociais do Ente de la Movilidad de Rosario e no aplicativo Movi Rosario.

Veja também

Por