A partir de meados de dezembro, dois ônibus 100% elétricos atenderão ao transporte público de passageiros na Grande Assunção, Paraguai

Em 25 de novembro de 2019, o governo paraguaio fez a apresentação de dois ônibus 100% elétricos que servirão ao transporte público de passageiros na Grande Assunção, e estima-se que em meados de dezembro os veículos já circulariam dentro de um plano de teste.

A cerimônia de apresentação contou com a presença do presidente da República, Mario Abdo Benítez, do ministro de Obras Públicas, Arnoldo Wiens, e do vice-ministro de Transportes, Pedro Britos.

O governo informou que com esses ônibus serão obtidos dados reais sobre a operação de ônibus totalmente elétricos e que tais dados serão utilizados para desenvolver políticas públicas para o transporte coletivo urbano.

EMPRESA PARTICIPA

O governo relata que os dois ônibussão da marca chinesa Zhongtong, 0 km, com ar condicionado e rampa para pessoas com deficiência. Os novos veículos serão adicionados à frota de serviço diferenciado da Empresa Magno S.A. Linha 12.

“Estas são as primeiras unidades de transporte público 100% elétrico no Paraguai. Antes, tínhamos unidades híbridas. E esses veículos não usam uma gota de combustível e carregam energia da ANDE”, disse Alejandro Zuccolillo, da empresa Magno S.A. Linha 12, acrescentando: “Essas unidades simbolizam o início da transformação e evolução do transporte público e um grande passo em direção à eletromobilidade”.

Os ônibus têm autonomia de 300 quilômetros, exigindo um total de 4 horas para recarregar a unidade. Além disso, eles têm uma bateria de 314 quilowatts.

Embora o custo de aquisição seja alto (aproximadamente US $ 300 mil por unidade), o principal benefício está no impacto ambiental positivo, uma vez que não polui.

Cada ônibus tem uma economia de emissão de gás equivalente a 40 hectares de floresta por ano, de acordo com Zuccolillo. A Empresa Magno S.A – Linha 12 disponibilizou os dois ônibus para o Vice-Ministério dos Transportes, para iniciar com eles os primeiros estudos, a fim de determinar especificamente os benefícios da migração do sistema tradicional para o elétrico.

Veja também

Por