Plano de implantação aumentará em 1/3 a extensão de vias exclusivas para transporte público na Área Metropolitana de Santiago do Chile em 2020

O governo nacional chileno espera implantar 109 km de vias de transporte público na Área Metropolitana de Santiago ainda em 2020.

Atualmente, são 323 km de vias destinados exclusivamente ao transporte público na Grande Santiago (entre vias denominadas Solo Bus, vias exclusivas e corredores). Com a habilitação dos novos trechos previstos para este ano, essa malha passará para 432 km, o que significa um acréscimo de 33,7%.

Segundo a ministra dos Transportes e Comunicações, Gloria Hutt, a viabilização de 109 km de novas vias exclusivas para ônibus em 18 municípios da Região Metropolitana é uma das 222 medidas do Plano Nacional de Mobilidade em vigor.

O principal objetivo deste tipo de medida de organização do tráfego é proporcionar uma maior oferta aos passageiros do transporte público, aumentando a frequência dos ônibus.

Tomando como exemplo um trecho de 3,8 km de via Solo Bus no município de Las Condes, na Grande Santiago, a ministra disse que esta solução tem vários benefícios, pois permite aumentar a velocidade do transporte público em pelo menos 18 %, o que reduz o tempo de viagem e a permanência de passageiros no ônibus.

Ela acrescentou que, da mesma forma, ao completar o trajeto em menos tempo, evita-se a concentração de pessoas em ônibus e paradas, o que contribui para reduzir os riscos de infecções por Covid-19.

Veja também

Por