Rostos no viaduto

No final de outubro, foi inaugurada uma intervenção artística na Avenida Agraciada, em Montevidéu, através da qual 30 pessoas que transitam, trabalham ou moram no bairro de Paso Molino foram retratadas nas paredes do viaduto que existem naquela via.

A intervenção, iniciada em setembro deste ano, foi planejada pelo Coletivo Licuado, juntamente com moradores locais  e organizações do Centro Comunitário Zonal (CCZ) 14 do município A.

Segundo a prefeitura, a proposta consistia em uma intervenção com grande impacto territorial em um local emblemático conquistado para ser aproveitado pela comunidade.

Da inauguração, participaram autoridades departamentais e municipais, membros do coletivo e moradores do bairro.

SOBRE A INTERVENÇÃO

A nota da prefeitura de Montevidéu explica que, a partir da Área Social da CCZ 14, organizações sociais e centros educacionais foram convocados para fazer a escolha de pessoas ou personagens que representam a heterogeneidade da população e que respondem pelos grupos da região.

O projeto final, apresentado pelo ColectivoLicuado (Coletivo Liquefeito, em português), selecionou imagens de pessoas fotografadas para serem expostas nos 30 pilares do viaduto. Além disso, o teto foi pintado e a iluminação foi adicionada. A intervenção foi realizada pelos artistas uruguaios Camilo Núñez e FlorenciaDurán.

Veja também

Por