Em setembro, atividades para promover e fomentar a mobilidade sustentável em grandes metrópoles da América Latina

Nesta segunda quinzena de setembro, três metrópoles latino-americanas estão promovendo atividades referentes à Semana da Mobilidade Sustentável. Em Bogotá, Colômbia, o tema central é a mobilidade de gênero; Buenos Aires destaca propriamente a importância da sustentabilidade e da segurança nos deslocamentos urbanos e São Paulo destacou em sua programação a necessidade de proteção dos pedestres, que são os elementos mais vulneráveis nas ruas e avenidas das cidades.

MOBILIDADE DE GÊNERO

O Ministério dos Transportes da Colômbia convidou as entidades públicas da ordem nacional e local, governadores, prefeitos, autoridades de trânsito, transporte e mobilidade, gerente e operadores do Sistema Integrado de Transporte em Massa (SITM) e dos Sistemas Estratégicos de Transporte Público (SETP) participar do dia nacional da mobilidade e compartilhar as atividades que serão desenvolvidas durante a semana nacional da mobilidade 2019.

Para a versão deste ano, o Comitê Organizador estabeleceu que este evento aconteça de 21 a 29 de setembro de 2019, abrigando o Dia Mundial sem Automóvel, 22 de setembro, sob o tema geral Mobilidade e gênero , enfatizando as ações dos atores do sistema viário: pedestre e ciclista.

Nos últimos anos, o Ministério dos Transportes da Colômbia vem organizando a Semana Nacional da Mobilidade, cuja versão de 2015 enfatizou a Bicicleta; em 2016, no pedestre; em 2017, em Mobilidade Saudável, Segura e Sustentável, e em 2018 na Mobilidade Saudável, Segura e Ambientalmente Sustentável.

Segundo informações oficiais, os temas destes dois últimos anos surgiram em resposta à implementação do artigo 18 da Lei nº 1811 de 2016, conhecida como Lei Probici, pela qual são concedidos incentivos para promover o uso de bicicletas no território nacional e é modificado o código de trânsito nacional”. Os eventos dos dois últimos anos foram organizados pelo Ministério dos Transportes em conjunto com os Ministérios do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Saúde e Proteção Social, Tecnologia da Informação e Comunicações, Departamento Nacional de Planejamento, Coldeportes, Agência Nacional de Segurança Rodoviária e Findeter.

AS ATIVIDADES EM BUENOS AIRES

De 16 a 22 de setembro de 2019, a Cidade de Buenos Aires celebra a Semana da Mobilidade Sustentável, uma atividade criada por lei (nº 1499) em 2004 pelo Legislativo Municipal.

Nesse contexto, por iniciativa do Ministério dos Transportes da cidade, são realizadas diferentes atividades para promover e incentivar a mobilidade sustentável. Tais atividades estão focadas em três pontos.

Um dos pontos é celebrar as formas de mobilidade ambientalmente amigáveis ​​já instaladas e que mudaram a dinâmica da cidade.

Outro é continuar promovendo o uso de bicicletas entre estudantes universitários, funcionários de empresas e estudantes de escolas primárias.

O terceiro aspecto é incentivar o uso racional do automóvel e das práticas de segurança rodoviária.

A seguir, são descritas as atividades programadas para a Semana de Mobilidade Sustentável na cidade autônoma de Buenos Aires:

Festival de Descontos – Ao longo da semana: o objetivo é destacar o valor da indústria de bicicletas, promovendo promoções para que mais vizinhos possam acessar sua própria bicicleta. Ela procurará oferecer descontos de até 30% e 40% na compra de bicicletas, acessórios e roupas.

Dia de Estacionamento – Com essa ação, visam conscientizar sobre o espaço que um carro estacionado ocupa através de diferentes intervenções nas vias públicas para gerar espaços de reunião e recreação.

Dia da Bicicleta e ‘Largue suas Rodinhas’

O aprendizado do uso da bicicleta por crianças é promovido por meio de brincadeiras e recursos recreativos. Também o espaço é utilizado como um ponto de conscientização em relação aos moradores da cidade de modo os valores da mobilidade saudável. O objetivo é gerar a primeira abordagem da bicicleta para os pequenos e treinar os ciclistas do futuro.

Bicicleta em Família – Esta atividade é para os participantes aproveitarem a cidade de uma maneira diferente em família e conscientizarem sobre a mobilidade sustentável e a segurança viária.

Dia Mundial Sem Carro – Ao final da Semana de Mobilidade Sustentável, será desenvolvida uma ação de incentivo ao uso do transporte público, ciclismo e caminhada como alternativa ao carro particular. Nesse dia, as bicicletas do sistema automático podem ser usadas por duas horas.

PEDESTRE, O MAIS VULNERÁVEL

No período de 18 a 25 de setembro de 2019, a Prefeitura de São Paulo realizaa Semana da Mobilidade, organizada pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) com a participação de diversos órgãos municipais do setor e parceria com as secretarias municipais de Direitos Humanos e Cidadania, Educação e da Pessoa com Deficiência.

Neste ano de 2019, a exemplo do ano passado, o foco da Semana da Mobilidade está no respeito e atenção ao pedestre. A temática Todos Somos Pedestres vem para reforçar à sociedade que, independentemente do meio de locomoção principal que se utilize, todos somos pedestres em algum momento do dia. E que o pedestre é sempre o elemento mais vulnerável no trânsito.

A programação, que traz um conjunto de ações voltadas à segurança e à convivência saudável entre os diversos modais no trânsito da cidade, pode ser vista aqui.

Veja também

Por