Mais da metade

A Prefeitura de Medellín informa que, com a instalação de dispositivos de suporte para os cabos, escavações para a construção dos prédios das estações e de parte do mobiliário urbano, as obras do teleférico Picacho estão avançando.

Este sistema de mobilidade sustentável atenderá 420 mil pessoas das Comunas 5 e 6, Castilla e 12 de Octubre, no noroeste de Medellín.

Os trabalhos na Linha P avançam de acordo com o cronograma estabelecido. Segundo a Secretaria da Infraestrutura Física, o projeto, que começou a ser construído em março de 2018, é de 56%.

A entrega da obra para a comunidade está planejada para o final de 2019. Estima-se que as 138 cabines transportarão cerca de 4.000 passageiros por hora em cada direção da linha.

O sistema possui quatro estações: Acevedo, Sena-Pedregal, 12 de Octubre e El Progreso.

Dos 29 postes que suportarão o teleférico em seus 2.800 metros de percurso, alguns já possuem todos os elementos eletromagnéticos e cabeçotes de metálicos.

A Prefeitura de Medellín enfatiza que Picacho será o teleférico de maior capacidade e velocidade na Colômbia. A rota completa entre Acevedo-El Progreso, e vice-versa, levará apenas 11 minutos e sete segundos. Cada cabine terá espaço para transportar confortavelmente e com segurança 12 usuários do sistema.

Veja também

Por